Curso de Tecelão/Tecedeira

Introdução

Fotografia de uma Tapeçaria As atividades artesanais situam-se no cruzamento da economia e da cultura, representando novos valores dessa síntese, tais como a memória coletiva, a criatividade e a capacidade de inovação, a educação, a identificação social, a atratividade turística e a imagem de marca dos territórios.

Existem hoje novas motivações e interesse quanto ao usufruto do espaço e dos produtos rurais.

Fatores de mudança recentes, propiciadores de alterações marcantes nas práticas lúdicas e turísticas da população são, de alguma forma, responsáveis por esse interesse emergente. Entre esses fatores estão o acréscimo global dos níveis de rendimento, o aumento do tempo livre, o incremento dos níveis de escolarização, a melhoria das acessibilidades, o desenvolvimento da sociedade da informação e a generalização do modo de vida urbano. De facto, o artesanato assume-se como uma componente fundamental do souvenir turístico de cariz regional.

Fotografia de pormenor de uma tapeçaria O sector das atividades artesanais é composto por um amplo conjunto de atividades, que apenas têm em comum o modo de produção, o reconhecimento social e, de alguma forma, o sistema de distribuição e venda. Os produtos artesanais caracterizam-se também por esta variabilidade, não havendo uma gama de produtos específica.

A estrutura organizacional deste sector caracteriza-se por microempresas, a grande maioria localizadas em zonas economicamente deprimidas, assumindo a sua atividade uma importância vital em termos de coesão social e nas dinâmicas próprias das economias dos territórios onde se inserem. A mão-de-obra do sector é, em geral, envelhecida e com baixos níveis de escolarização e qualificação, embora evoluindo positivamente.

Estas pequenas organizações apresentam nítidas necessidades de competências ao nível da qualificação, designadamente em áreas como a gestão empresarial, as técnicas de abordagem ao mercado, a inovação tecnológica na produção, a utilização das TIC, bem como carências ao nível da formação estética e artística.

Fotografia de uma peça executada em corda usando MacraméEste sector tem, todavia, sofrido mudanças positivas nos últimos anos, o que se observa, nomeadamente, na atitude positiva e pró-ativa dos artesãos mais recentes, num novo relacionamento com o mercado, no reforço da qualificação formal (e não apenas assente nas aprendizagens feitas em contextos familiares) dos profissionais da área, numa maior estruturação organizativa do sector, bem como na criação de um quadro regulador e legislativo do sector até há pouco inexistente. Neste contexto, revela-se fundamental uma oferta de formação profissional específica que permita, em primeiro lugar, elevar os níveis de qualificação, reforçando e estruturando um sector em evolução.

Admissão de candidatos

Condições necessárias:

  • Autonomia na mobilidade
  • Resultados favoráveis nas Entrevistas Psicológica e Social
  • Perfil Intelectual (resultados da entrevista psicológica):
    • Inteligência Geral de nível médio.
    • Aptidão Espacial de nível médio.
    • Raciocínio Mecânico de nível médio.
    • Atenção Concentrada de nível médio.

Objetivos do Curso

No final do curso pretende-se que, demonstrando o domínio das técnicas e procedimentos adequados e o respeito pelas normas do ambiente, segurança, higiene e saúde no trabalho, os formandos sejam capazes de efetua a seleção da matéria-prima, elaborar debuxo de criação e/ou recriação, tecer em tear de alto e baixo liço tapeçarias artesanais e outros artigos, proceder aos seus acabamentos e efetua a gestão da sua atividade profissional.

Organização da Formação

O Curso de Tecelão de Tapeçaria tem a duração de 2400 horas, distribuídas por diferentes Unidades de Formação de Curta Duração (UFCD), com uma carga horária diária, em horário laboral, de 6 ou 7 horas.

O Curso está organizado nas seguintes Unidades de Formação de Curta Duração (módulos):

Formação de Base – 25 horas

  • Língua Portuguesa (Linguagem e Comunicação) – 50 horas
  • Técnicas de Comunicação Braille (Linguagem e Comunicação) – 50 horas
  • Matemática Para a Vida – 50 horas
  • Tecnologias de Informação e Comunicação – 50 horas
  • Formação Cívica (Cidadania e Empregabilidade) – 25 horas
  • Técnicas de Procura de Emprego (Cidadania e Empregabilidade) – 25 horas

Formação Tecnológica – 1550 horas

  • Princípios da Tapeçaria Artesanal – 25 horas
  • Matérias e Utensílios de Tapeçaria Artesanal – 50 horas
  • Técnicas de Tratamento de Fibras Para Tecelagem – 25 horas
  • Preparação de Matérias-primas para a Tecelagem – 25 horas
  • Noções e Conceitos de Qualidade – 25 horas
  • Ambiente, Segurança, Higiene e Saúde no Trabalho – 50 horas
  • Tapeçaria Artesanal de Tear – 100 horas
  • Técnicas de Entrelaçamento de Vários Tipos de Nós e Pontos – 100 horas
  • Desenvolvimento de Projeto e Decorações Simples – 100 horas
  • Execução de Tapeçarias Simples: Iniciação – 100 horas
  • Execução de Tapeçarias Simples: Análise de Projeto – 100 horas
  • Execução de Tapeçarias Simples – 100 horas
  • Execução de Tapeçarias Simples: Acabamentos – 100 horas
  • Elaboração de Projeto de Tapeçaria – 100 horas
  • Execução Tapeçarias Artesanal: Iniciação – 100 horas
  • Execução Tapeçarias artesanal Tradicional – 100 horas
  • Execução Tapeçarias artesanal Contemporânea – 100 horas
  • Execução Tapeçarias artesanal: Projeto – 100 horas
  • Execução Tapeçarias artesanal: Acabamento e Decoração – 100 horas
  • Aprender com Autonomia – 50 horas

Formação em Contexto Real de Trabalho – 600 horas

Para mais informações contate-nos através do número de telefone 218480136.

Poderá utilizar o nosso Formulário de Inscrição Online para iniciar o seu processo de inscrição.